quinta-feira, 12 de setembro de 2013

Jesus ressuscitou, meu amigo

QUERIDO AMIGO.

Que a Graça e a paz do Senhor Jesus esteja contigo.

         Por meio desta carta gostaria de lhe esclarecer da parte do Senhor Jesus temas que te interessarão e que sei que te inquietam, como acerca da ressurreição do nosso Senhor.
         Sabemos que as Escrituras Sagradas bem falam a cerca da ressurreição do nosso Senhor Jesus e que os Apóstolos Pedro e o que Jesus amava, pela referência João, além das mulheres que fizeram parte do seu ministério terreno foram as primeiras testemunhas oculares. Cristo ao ressuscitar fez questão de anunciar às mulheres que participaram assim como os apóstolos do ministério do nosso Senhor como bem relata Mateus: E, indo elas a dar as novas aos seus discípulos, eis que Jesus lhes sai ao encontro, dizendo: Eu vos saúdo. E elas, chegando, abraçaram os seus pés, e o adoraram. Então Jesus disse-lhes: Não temais; ide dizer a meus irmãos que vão à Galileia, e lá me verão (Mt 28:9-10). Depois das mulheres os dois discípulos, Pedro e João (o que Jesus amava), viram o sepulcro aberto e os panos enrolados em outro lugar, como o evangelista João assim fala: Chegou, pois, Simão Pedro, que o seguia, e entrou no sepulcro, e viu no chão os lençóis, E que o lenço, que tinha estado sobre a sua cabeça, não estava com os lençóis, mas enrolado num lugar à parte (Jo 20:6-7).
Nosso Senhor Jesus escolheu a Galileia como encontro para aparecer a todos os que o seguiam. O mais impressionante é que a Galileia foi onde ele inicia seu ministério terreno, de pregação do evangelho e de libertação da opressão vivida pelo povo mais pobre e excluído da sociedade imperial romana e da religiosidade nacional judia. Isso vemos nos relatos do evangelista Marcos que não viu a Jesus, mas que mesmo assim creu nele: Mas ide, dizei a seus discípulos, e a Pedro, que ele vai adiante de vós para a Galileia; ali o vereis, como ele vos disse (Mc 16:7). O ministério peregrino de Cristo iniciara na Galileia onde Ele chama os primeiros discípulos Pedro e seu irmão André, além de João e seu irmão Tiago, que eram pescadores, e nesta região começou a proclamar o evangelho do reino, a ensinar nas sinagogas e a curar os enfermos. É também na Galileia que Jesus anuncia sua morte e ressurreição, mas seus discípulos não compreenderam se recordando destas palavras quando o anjo que estava no sepulcro os lembra como nos mostra outro evangelista que creu em Jesus sem o ter conhecido, Lucas: Não está aqui, mas ressuscitou. Lembrai-vos como vos falou, estando ainda na Galileia, dizendo: Convém que o Filho do homem seja entregue nas mãos de homens pecadores, e seja crucificado, e ao terceiro dia ressuscite. E lembraram-se das suas palavras (Lc 24:6-8).
Em discurso sobre Jesus Pedro afirma no Pentecostes que a morte não pôde impedir que Jesus voltasse à vida e que Deus não deixou seu filho apodrecer na sepultura, mas antes o ressuscitou e hoje está assentado a sua direita assim como está escrito: A este que vos foi entregue pelo determinado conselho e presciência de Deus, prendestes, crucificastes e matastes pelas mãos de injustos; Ao qual Deus ressuscitou, soltas as ânsias da morte, pois não era possível que fosse retido por ela (At 2:23-24). Paulo diante do rei Agripa e de todos os que queriam matar-lhe afirmou que a vinda de Jesus, sua morte e sua ressurreição dos mortos nada mais foi do que o cumprimento do que disseram Moisés e os profetas, como está registrado: Mas, alcançando socorro de Deus, ainda até ao dia de hoje permaneço dando testemunho tanto a pequenos como a grandes, não dizendo nada mais do que o que os profetas e Moisés disseram que devia acontecer, Isto é, que o Cristo devia padecer, e sendo o primeiro da ressurreição dentre os mortos, devia anunciar a luz a este povo e aos gentios (At 26:22-23).
       Escrevo-te estas coisas amigo para que compreendas que não é atual a descrença na ressurreição de Jesus Cristo e que os evangelistas e primeiros líderes da Igreja de Cristo se dedicaram a defender e a ensinar com suas próprias vidas e assim como Cristo ressuscitou iremos ressuscitar no último dia para vivermos de pleno gozo e alegria na presença do nosso Senhor. Todas essas palavras te sirvam para fortalecer sua fé em Jesus Cristo, hoje e sempre, amém!

Nenhum comentário:

Postar um comentário